Facebook
06/10/2021 - 12h30m

AGRICULTURA

Tocantins avança em adoção e difusão das tecnologias sustentáveis do plano ABC

Elmiro de Deus

Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro)​ e parceiros estão reforçando as visitas de monitoramento e acompanhamento das Unidades de Referência Tecnológica.

Visitas de monitoramento e acompanhamento das URTs (Foto: Seagro/Governo do Tocantins)

O Tocantins continua sendo referência nacional na adoção e difusão das tecnologias sustentáveis do Plano Agricultura de Baixa Emissão de Carbono (ABC), à frente dos estados da região Norte do país. Neste sentido, o Governo do Tocantins, por meio da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), o Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) e consultorias privadas estão reforçando as visitas de monitoramento e acompanhamento das Unidades de Referência Tecnológica (URTs) do plano ABC instaladas no Estado. No dia 30 de setembro, os técnicos estiveram na unidade tecnológica do Programa ABC Corte, Fazenda Parlamento, município de Novo Acordo, região central do Estado.

A unidade tecnológica na Fazenda Parlamento tem um módulo rotacionado intensivo de 13,6 hectares de capim BRS Mombaça, dividido em oito piquetes. A intenção é criar e terminar bovinos machos de 1 a 2,5 anos. A propriedade é assistida pelo médico veterinário Fabrício Pavan do Ruraltins, acompanhado pelo zootecnista da Embrapa, Cláudio França.

O plano ABC TO é uma política pública importante e de destaque do estado do Tocantins. Por isso estamos reforçando as visitas de monitoramento e acompanhamento das Unidades de Referência Tecnológica (URTs)”, reforçou o diretor de Agrotecnologia, Tecnologias Sociais e Sociobiodiversidade da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), Fernando Garcia.

ABC Corte

A média de produtividade das URTs do Programa ABC Corte em sistema sequeiro é de [email protected] por hectare ano, com potencial de alcançar mais de 50 @ hectare ano. Em sistema irrigados pode ultrapassar [email protected] por hectare ano.

De acordo com o gerente do Plano ABC da Seagro, Marcelo Marcelino, esse sistema intensivo de produção possui várias vantagens na criação bovina. “Pois melhora os indicadores técnicos, econômicos e ambientais,  consequentemente, aumentando a produtividade e rentabilidade da pecuária de corte. Outra vantagem é a otimização dos recursos naturais, desta forma reduzindo a pressão de avanço em áreas que ainda não foram desmatadas”, ressaltou o engenheiro.

URTs

Atualmente, o Tocantins possui 72 URTs ativas, entre as unidades do ABC Leite, ABC Corte, ABC Soja e as unidades de ILPF, isso facilita a difusão e adesão dos produtores a tecnologias sustentáveis de produção porque as URTs estão em todas as regiões do Estado.

Deixe seu comentário:

SENAC TO Campanha: SENAC SETEMBRO 2021Campanha SICTEG - SEBRAE - TOSarauClínica AndréAvecomA Fonte das LetrasGPS