Facebook
02/04/2024 - 10h18m

TEC

Tocantinópolis tem histórico negativo quando precisou reverter após perder em seus domínios

Por Bico 24 Horas

União e Tocantinópolis voltam a se enfrentar pelo jogo de volta no dia 6, às 18h30, no Mirandão, em Araguaína.

Tocantinópolis foi vice para o Palmas em 2019 quando precisou vencer fora (Foto: Achcar Alexandr/ge)

O Tocantinópolis Esporte Clube (TEC) vai decidir o título 2024 fora de seus domínios precisando reverter o placar da ida, por 2 a 1, para o União. A última vez que o TEC precisou vencer fora por diferença de dois gols ou mais, acabou perdendo a taça para o Palmas, em 2019. Na história, o Tocantinópolis decidiu dois títulos nos pênaltis e perdeu ambos. União e Tocantinópolis voltam a se enfrentar pelo jogo de volta no dia 6, às 18h30, no Mirandão, em Araguaína. O TEC precisa de uma vitória por dois gols de diferença para levantar o tetra seguido. Vitória por um gol leva a decisão para os pênaltis.

A última vez que o Tocantinópolis decidiu fora acabou perdendo a taça para o Palmas, em 2020. Após isso, o TEC foi tri seguido decidindo no estádio Ribeirão, em (2021, 2022 e 2023). Na história, a equipe decidiu apenas um jogo, fora de seus domínios, precisando de pelo menos dois gols para forçar a decisão nos pênaltis. Isso aconteceu em 2019, mas o Tocantinópolis acabou perdendo o título para o Palmas.

Em 2006 e 2012, o Tocantinópolis, também, precisou reverter, mas em casa, e acabou amargando o vice-campeonato nas duas situações para Araguaína e Gurupi, respectivamente.

Por falar em forçar pênaltis, o Tocantinópolis chegou a decidir duas taças dessa forma, mas acabou ficando com o vice para Interporto (1999) e Palmas (2001).

Na decisão de 1999, o Tocantinópolis foi derrotado na ida, por 2 a 0. Na partida de volta, o placar por dois gols de diferença levava a decisão para os pênaltis. O Verdão acabou devolvendo o “2 a 0”, e foi eliminado nos pênaltis, 4 a 3, frente a torcida no Lauro Assunção, em Tocantinópolis.

Dos seis títulos conquistados na era profissional, o time alviverde só foi campeão uma vez fora de casa. Na ocasião, a equipe precisou vencer por diferença de um gol. A conquista aconteceu em 2002 sobre o Palmas. No primeiro jogo, em Tocantinópolis, empate, por 1 a 1. Na volta, em Palmas, o alviverde superou o tricolor, por 2 a 1, e sagrou-se bicampeão.

Finais que o Tocantinópolis precisou reverter

2019

Tocantinópolis 3 x 1 Palmas - Ribeirão, em Tocantinópolis
Palmas 1 x 0 Tocantinópolis - Nilton Santos, em Palmas

2012

Gurupi 3 x 2 Tocantinópolis - Resendão, em Gurupi
Tocantinópolis 0 x 2 Gurupi - Ribeirão, em Tocantinópolis

2006

Araguaína 2 x 1 Tocantinópolis - Araguaína
Tocantinópolis 2 x 2 Araguaína - Tocantinópolis

2002

Tocantinópolis 1 x 1 Palmas - Tocantinópolis (TO)
Palmas 1 x 2 Tocantinópolis - Palmas

2001

Palmas 1 x 1 Tocantinópolis - Palmas
Tocantinópolis 1 x 1 Palmas (5 x 4) - Tocantinópolis

1999

Interporto 2 x 0 Tocantinópolis - Porto Nacional
Tocantinópolis 2 x 0 Interporto (pênaltis 4 x 3) – Lauro Assunção, em Tocantinópolis

Deixe seu comentário:

BRK Campanha: Sites Tocantins 2024 - JANEIROClésioAvecomGPS