FASEC
Campanha: ENERGISA - WEB BANNER INSTITUCIONAL 2018
Facebook
08/11/2018 - 11h15m

LUTO

SÃO MIGUEL: Corpo de Dona Raimunda Quebradeira de Coco é velado no povoado Sete Barracas

Redação

Dona Raimunda, que tinha 78 anos, lutava contra a diabetes e já estava bem debilitada

O corpo da líder comunitária Raimunda Gomes da Silva, conhecida como Dona Raimunda Quebradeira de Coco, está sendo velado na casa onde morava, no povoado Sete Barracas, a cerca de oito quilômetros do município de São Miguel do Tocantins. Ela lutava contra diabetes e já tinha perdido a visão por causa da doença. Faleceu na própria residência, na noite desta quarta-feira (7).

O enterro deve ser realizado às 17h desta quinta-feira, no município. A líder comunitária ficou conhecida por lutar pela valorização das quebradeiras de coco no norte do Tocantins desde os anos 80.

A prefeitura de São Miguel do Tocantins decretou luto oficial de três dias e ponto facultativo nesta quinta-feira (7). Segundo o secretário de cultura de São Miguel, Orlando Martins, a ex-quebradeira de coco chegou a ficar internada na UTI de um hospital em Imperatriz. Ela recebeu alta há algumas semanas e pediu para retornar para casa.

Raimunda foi uma das fundadoras do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (MIQCB), que atua nos estados do Pará, Tocantins, Maranhão e Piauí. Ela rompeu as fronteiras do Brasil. Foi à China, aos Estados Unidos, à França e ao Canadá.

A líder comunitária também chegou a ser indicada ao Prêmio Nobel da Paz e recebeu homenagens da Assembleia Legislativa do Tocantins e do Senado Federal. Em 2009, recebeu o título de doutora Honoris Causa pela Universidade Federal do Tocantins (UFT).

Deixe seu comentário:

Araguatins Fest Music 2018WRGPS OABFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoGPSWELLBlog do Felipe de Sá