Campanha PRESENÇA DIGITAL -AGOSTO
Facebook
02/09/2019 - 09h29m

EM FORTALEZA-CE

Acadêmica de Pedagogia da Unitins de Araguatins apresentará artigo no VI Congresso Nacional de Educação

Carlos de Bayma

Acadêmica de Pedagogia da Unitins de Araguatins, Layse Suellen de Sousa Almeida Oliveira, apresentará artigo no VI Conedu, em Fortaleza-CE

A acadêmica do 6º período do Curso de Pedagogia do Campus de Araguatins, Layse Suellen de Sousa Almeida Oliveira, apresentará o artigo “A influência do processo avaliativo na relação professor-aluno” no VI Congresso Nacional de Educação (Conedu), que será realizado na capital cearense, de 24 a 26 de outubro.

Quando soube do evento e das temáticas que seriam abordadas, procurei o professor Eraldo Madeiro para que pudesse orientar a acadêmica durante o processo de escrita. Sabe-se que avaliar é de grande importância para verificar se os resultados esperados no processo de ensino-aprendizagem foram alcançados, e para exercer a promoção dos alunos para as séries que se sucedem”, afirmou a coordenadora do curso de Pedagogia, professora Aquenubia Gonçalves da Silva.

Layse explica que escolheu esse eixo temático após perceber o quanto a avaliação é discutida no campo educacional. “Se avaliar é simplesmente pontuar e classificar o aluno ou se a avaliação está sendo utilizada como instrumento de auxilio para a aprendizagem, o que faz mais sentindo. E como o aluno vem ganhando espaço dentro da sala de aula no que diz respeito a ‘ter voz’ e não ser um mero ouvinte. Escrever sobre avaliação e a relação professor-aluno é de extrema importância. Durante o processo avaliativo o aluno também tem interesse em seus resultados, e  esse processo ainda é colocado como responsabilidade total do aluno, e não como uma ponte que auxilia no ensino-aprendizado”, pontua a acadêmica.

Então, no meu artigo eu busquei autores que afirmassem sobre a relação de ambos durante esse processo, para levantar a percepção de que a avaliação não é apenas uma parte burocrática realizada pela escola. Avaliar é sondar onde estão as deficiências do aluno, é entender que na avaliação o aluno reflete além do que ele aprendeu, reflete também o professor e o seu desempenho profissional. Por isso, ao invés de ouvir somente o professor sobre a avaliação dos alunos, fui a campo ouvir os alunos quanto ao processo avaliativo”, finaliza a acadêmica.

Deixe seu comentário:

1 Comentário(s)

  • Ana Márcia Oliveira Fontinelle | 07/09/2019 | 15:47 Muito importante o assunto e ainda vindo de uma pessoa que conheço. Está de parabéns! Bjs!😍😘😘👏👏

senacGPSWRFarcom