Banco da Amazônia campanha institucional
Facebook
12/09/2017 - 17h46m

NA ILHA DE SÃO VICENTE

Incêndio destrói casas em comunidade quilombola em Araguatins

Incêndio em comunidade quilombola destrói casas (Foto: Divulgação/Elyzangella Barros)

Um incêndio atingiu uma comunidade quilombola na tarde desta terça-feira, 12, em Araguatins. Os moradores contam que chamaram os Corpo de Bombeiros, mas foram informados que não poderiam ser atendidos por causa do deslocamento e baixo efetivo.

Fogo destruiu casas e plantações em comunidade quilombola (Foto: Fabrício Barros/Divulgação)

Os quilombolas informaram que três casas ficaram completamente destruídas junto com alguns móveis e plantações. Ninguém ficou ferido. A comunidade fica na Ilha de São Vicente, no Rio Araguaia, cerca de 10 km do centro da cidade.

A moradora Rosângela Barros disse que o fogo começou distante das casas e foi se aproximando rapidamente por causa do vento. "Fizemos uma força tarefa e todos tentaram livrar as casas do incêndio fazendo atalhos. Os bombeiros simplesmente falaram que não tinham condições de ir lá".

O G1 entrou em contato com os Bombeiros da cidade e foi informado que a própria comunidade precisa ter os equipamentos de combate aos incêndios, como abafadores. Os aparelhos são cedidos pela prefeitura e pelo Estado por meio de órgãos ambientais.

Os bombeiros informaram que o efetivo não é suficiente para atender todas as ocorrências da região. Disse ainda que existe um caminhão para combater incêndios grandes em áreas rurais, mas não tem como chegar no local. "Hoje estamos em quatro militares. Três estão em ocorrências hospitalares e um atendendo os incêndios", informou a corporação.

Os moradores acreditam que o incêndio tenha sido criminoso. Os bombeiros afirmaram que o fogo pode ter começado com um pequeno desmatamento e disseram que enviariam uma equipe ao local durante a tarde com bombas costais e abafadores para ajudar no combate. (G1)

Deixe seu comentário:

Campanha: NOVO JEITO   ALjrrocha alGPSarmazém paraíbavalériaBAUSucesso FMDudu a Fora