ENERGISA campanha : WEB BANNER -PRESENÇA DIGITAL - PREMIO IASC
Facebook
11/01/2019 - 08h14m

CRIME EM NOVO ACORDO

Vice pediu que pistoleiro fizesse nova tentativa de matar prefeito antes de ser preso, diz polícia

Com informações do G1

Polícia disse que Leto Moura Leitão Filho (PRB) contratou morte do prefeito de Novo Acordo por R$ 10 mil

O vice-prefeito de Novo Acordo, Leto Moura Leitão Filho (PRB), teria encomendando um novo ataque ao prefeito da cidade Elson Lino de Aguiar (MDB) antes de ser preso. A informação é do delegado Leandro Risi, que coordenou a investigação. Segundo ele, desta vez Leitão ofereceu o dobro do valor ao pistoleiro para que o serviço fosse concluído.

Prefeito de Novo Acordo foi internado após ser baleado na cabeça dentro de casa (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

O delegado Leandro Risi informou que o primeiro atentando foi encomendado por R$ 4 mil ainda em 2018, mas os pistoleiros não chegaram a ir até a cidade. No segundo ataque, desta quarta, o pagamento combinado seria de R$ 10 mil. "Quando viram que o prefeito não tinha morrido, ele prometeu então R$ 20 mil para que eles voltassem e terminassem a tarefa após ele sair do hospital", disse o delegado.

Ainda de acordo com Risi, o crime teria sido motivado por conflitos na distribuição de propinas. "Em principio, por uma divisão de recursos advindos de fraudes em licitações na prefeitura de novo acordo", afirmou o delegado. O prefeito teria se recusado a repassar R$ 800 mil para o vice.

Na saída do depoimento, Leto Moura Leitão negou as acusações, disse que não teve participação em nenhum esquema de propina e que vai provar a própria inocência.

A defesa do prefeito da cidade, Elson Lino de Aguiar, repudiou a acusação de que haveria um esquema de proprina. "O atual prefeito jamais permitiu qualquer tipo de ato ilícito durante o seu mandato, inclusive, nunca permitiu que se efetivasse qualquer pagamento a fornecedor sem processo licitatório devidamente formalizado", diz a nota. O advogado disse ainda que a história e a carreira do político são marcadas por muito trabalho e honradez.

Elson Lino de Aguiar Filho é prefeito de Novo Acordo (Foto: Divulgação/Prefeitura de Novo Acordo)

O prefeito de Novo Acordo, Elson Lino de Aguiar (MDB), de 59 anos, foi baleado na cabeça ao sofrer o atentado na tarde desta quarta-feira (9). A família informou que o ele estava sozinho dentro de casa quando tudo aconteceu.

Deixe seu comentário:

GPSWRFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoWELLBlog do Felipe de Sá