CAMPANHA - PRESENÇA DIGITAL WEB 1
Facebook
19/12/2018 - 12h30m

AÇÃO DA DPE-TO

Projeto "Defensoria Pública nas Escolas" atende estudantes de Araguatins e Tocantinópolis

Redação

 Foram contemplados estudantes de Araguatins, Tocantinópolis, Dianópolis, Gurupi, Palmas, Paraíso do Tocantins e Porto Nacional

As ações desenvolvidas pelo projeto “Defensoria Pública nas Escolas”, realizado pela Defensoria Pública do Estado do Tocantins (DPE-TO), por meio de sua Escola Superior (Esdep), atendeu, esse ano, mais de 4,7 mil estudantes em Araguatins, Tocantinópolis e em mais cinco municípios do Tocantins. Lançado, oficialmente, em 10 de maio deste ano, o Projeto atende estudantes e, ainda, pais de alunos e docentes de diversas unidades escolares públicas tocantinenses com palestras sobre temas atuais e importantes no universo dos jovens, como prevenção às drogas, bullying, saúde mental, construção de identidade, entre outros.

Realizado pela Esdep em parceria com a Secretaria Estadual de Educação, Juventude e Esporte (Seduc) e com a Secretaria Municipal de Educação do Município de Palmas, no caso das escolas da Capital, o projeto tem como instrumento principal o desenvolvimento de ações em educação em direitos.

Para a diretora da Esdep, defensora pública Maria do Carmo Cota, a proposta é instruir a comunidade escolar sobre o exercício da cidadania, levando em consideração as peculiaridades de cada localidade.

Com o projeto “Defensoria Pública nas Escolas”,  os estudantes receberem orientações de uma melhor qualidade de vida no enfrentamento às adversidades e, além disto, conhecem o trabalho desenvolvido pela DPE-TO.

Como funciona

As escolas e a comunidade escolar indicam quais assuntos precisam ser abordados, o que é feito com a qualidade técnica dos profissionais das equipes multidisciplinares da Defensoria Pública.

Com o agendamento da atividade, a Equipe Multidisciplinar da Instituição em cada Unidade, formada por psicólogos, assistentes sociais e pedagogos, é responsável por coordenar e executar as palestras voltadas a temas que coadunam com o cotidiano de muito jovens.

Balanço

Relatório da Escola Superior da Defensoria mostra que na terceira etapa do Projeto, realizada em outubro e novembro deste ano, mais de 800 estudantes foram contemplados.

Nesse período, estudantes de sete municípios foram contemplados: Araguatins, Tocantinópolis, Dianópolis, Gurupi, Palmas, Paraíso do Tocantins e Porto Nacional .

Deixe seu comentário:

senacGPSWRFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoWELLBlog do Felipe de Sá