CAMPANHA - PRESENÇA DIGITAL WEB 1
Facebook
15/01/2019 - 10h40m

RECURSOS

Prefeitura de Palmas recebe doação de R$ 100 mil do Banco da Amazônia para fomentar as ações do Fundo para a Infância e Adolescência

Secom Palmas

Dinheiro alimentará editais voltados à realização de trabalhos com crianças e adolescentes (Foto: Luciana Pires)

A Prefeitura de Palmas, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social (SEDES) e Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) recebeu na tarde desta segunda-feira, 14, uma doação de R$ 100 mil do Banco da Amazônia. O valor será destinado ao Fundo para a Infância e a Adolescência de Palmas (FIA).

De acordo com a Secretária da Assistência Social de Palmas, Valquíria Rezende, essa primeira doação em 2019, abre caminho para outras e dá origem a uma campanha de orientação e esclarecimento à população para este tipo de doações. “Temos uma meta de arrecadação ousada e pretendemos alcançar um milhão e meio de recursos para trabalhar as políticas voltadas para a criança e o adolescente”, afirmou.

Valquíria Rezende lembrou que todo o dinheiro que entra para o Fundo é destinado a alimentar os editais voltados à realização de trabalhos com crianças e adolescentes, para isso as instituições precisam estar de acordo com as normas legais de funcionamento e atuação. “No meu entendimento é uma das formas mais democráticas, onde todas as entidades que trabalham com crianças e adolescentes poderão ter acesso. Além disso, todas as pessoas que fizerem doações poderão acompanhar o desenvolvimento das entidades que foram acolhidas e reconhecidas com o seu recurso para o desenvolvimento dos seus respectivos projetos.

O presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, Amilson Rodrigues Silva, lembrou que esse tipo de doação também pode ser feita por pessoas físicas e todos os doadores poderão, posteriormente, constar essas doações nas suas declarações de Imposto de Renda, por exemplo. “Na verdade, a pessoa física faz mais que simplesmente doar, ela faz uma espécie de investimento, onde o rendimento é maior que o da poupança, já que a receita federal faz todo o ressarcimento das doações feitas, com valores devidamente corrigidos.

O superintendente do Banco da Amazônia, Marivaldo Gonçalves, disse que a instituição vem buscando contribuir mais com questões sociais, especialmente em municípios onde atuam. “Fizemos nossa primeira doação ainda em 2017 para o Hospital de Amor e este ano resolvemos expandir o alcance desse gesto, doando a mais instituições. Queremos, a partir do próximo ano, ampliar esses valores, alcançando um número maior de beneficiados e esperamos que outras empresas possam se inspirar e seguir o nosso exemplo”, declarou.

Nenhum recurso do Fundo poderá ter destinação e aplicação sem a deliberação política e técnica do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente que é responsável, juntamente com a Secretaria de Desenvolvimento Social, pela funcionalidade do plano de aplicação.

Participaram da solenidade de doação, a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Valquíria Rezende, que representou a prefeita Cinthia Ribeiro, o presidente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, Amilson Rodrigues da Silva e o Superintendente do Banco da Amazônia, Marivaldo Gonçalves.

Deixe seu comentário:

senacGPSWRFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoWELLBlog do Felipe de Sá