Facebook
24/11/2018 - 20h55m

LIXO HOSPITALAR EM ARAGUAÍNA

Perícia será feita para definir a quantidade de lixo enterrado em fazenda da família do deputado Olyntho Neto

Perícia será feita para definir a quantidade de lixo enterrado na fazenda da família do deputado estadual Olyntho Neto

Uma perícia será realizada no prazo máximo de dez dias para identificar a quantidade de lixo hospitalar encontrada na fazenda da família do deputado estadual Olyntho Neto (PSDB). Os policiais e fiscais do Naturatins também querem saber o impacto provocado pelo lixo hospitalar.

Durante o trabalho de escavação com maquinários, foram desenterrados frascos de remédio, seringas, luvas e até agulhas. A polícia acredita que a família tentou "limpar a área e se desfazer da materialidade do crime".

A fazenda Caeté fica entre Araguaína e Wanderlândia. O caseiro fugiu ao ver os policiais chegarem ao local.

O lixo estava enterrado na entrada da propriedade, a cerca de 300 metros da BR-153. Além da Polícia Civil, peritos e equipes do Naturatins estão no local. O trabalho de perícia e de escavação deve durar a tarde inteira.

O Naturatins informou que agora vai concluir o parecer técnico para que seja verificado possíveis indícios de crimes ambientais.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, a fiscalização ocorreu após denúncias de que parte do material encontrado no galpão havia sido transportado para essa fazenda. "Isso comprova, que houve uma tentativa de retirada desse material após a primeira ação de fiscalização", informou.

Ainda segudo o delegado, "mais uma vez há uma vinculação da família Olinto com o caso, considerando que essa fazenda também pertence a família, assim como o depósito. É uma tentativa de limpar a área e desafazer da materialidade do crime, trazendo pra uma outra propriedade da mesma família", informou.

Deixe seu comentário:

Cabaré do BregaBlack Friday GPSWRGPS OABFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoGPSWELL