Facebook
01/04/2019 - 18h29m

CIDADANIA E JUSTIÇA

Espaço físico destinado às crianças reforça os vínculos familiares de internos da Cadeia Pública de Araguatins

Redação

Sala de visitação para crianças sendo pintada (Foto: Divulgação)

A Cadeia Pública de Araguatins em parceria com o Ministério Público do Estado do Tocantins e do Tribunal de Justiça do Estado do Tocantins criaram um espaço reservado e dia específico da semana para que crianças e adolescentes possam visitar seus parentes que estejam cumprindo pena na unidade sem que tenham contato direto com a carceragem. A iniciativa visa preservar os menores de idade de se relacionar com outros presos que não sejam seus parentes.

O diretor da unidade, Heberson Vieira, contou que o espaço foi planejado para deixar o local mais aconchegante para o público infanto-juvenil que visita a cadeia. “Esse projeto surgiu devido a nossa preocupação em permitir que crianças e adolescentes que ainda estão em processo de formação de caráter, de ideologia e de índole frequente para o ambiente da carceragem. A nossa intenção foi de protege-los de conviver com outros apenados que possam ter influência negativa sobre a vida deles”, considerou o diretor.

O reeducando R. J. R. F. cumpre pena na unidade e tem três filhos, para ele esse foi o projeto mais bonito já desenvolvido dentro da unidade penal. “Esse ambiente tira o peso da visita, torna ela menos formal, menos constrangedora para o pai e mais acolhedora para a criança que consegue ver o familiar em um espaço lúdico”, disse.

Deixe seu comentário:



GPSWRFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoWELLBlog do Felipe de Sá