Facebook
11/07/2012 - 08h59m

Criança Sequestrada em Imperatriz é liberada por sequestradores após 14 dias

Reprodução Jornal O Progresso
Sequestrado há 14 dias, foi libertado na noite desta terça-feira (11) o menino Pedro Paulo Lemes.
Pedro Paulo Lemes foi liberado por volta de 22h00, no distrito de Cicilândia, na cidade de Palmeirante, no Tocantins, a cerca de 32 km de Araguaína. O pai de Pedro Paulo, o empresário imperatrizense Jurandir Mellado, foi para Araguaína e ainda ontem trouxe o garoto para Imperatriz para o seio da família.
As informações sobre o fim do sequestro e a liberação do pequeno Pedro Paulo foram feitas pelo Superintendente da Polícia Civil do Interior, delegado Jair Paiva Lima, e que a família teria pago o resgate de R$ 500 mil pela libertação da criança.“Os sequestradores foram até um povoado, onde deixaram a criança com um bilhete onde estavam os contatos dos familiares”, informou o superintendente. Ainda segundo a polícia, o garoto se encontra em boas condições de saúde, mas mesmo assim antes de retornar para Imperatriz, ele passaria por um Hospital em Araguaína.
Investigações - Em Imperatriz, a Polícia Civil não informou nada a respeito da liberação de Pedro Paulo, mesmo porque, por determinação superior, as investigações estavam sendo desenvolvidas em sigilo. A informação passada pela família da criança e pela polícia, até o momento, era de que os sequestradores não haviam entrado em contato para pedir o resgate. O sequestro já durava 14 dias.
Pedro Paulo Lemes, de 5 anos, foi sequestrado por dois homens de sua residência, na Rua Sergipe, bairro Juçara. Ele e a babá foram levados como reféns. A babá foi deixada na ponte Dom Felippe Gregory. A caminhonete Hilux da família foi deixada em uma estrada vicinal que dá acesso ao Povoado Olho D’Água do Coco, na zona rural de Sítio Novo do Tocantins, a 18 km de Imperatriz.
O sequestro do menino Pedro Paulo ganhou destaque nacional e a família vinha realizando diversos apelos pela localidade e nas redes sociais. Fotos do garoto foram espalhadas pela região.
O pai do garoto, Juradir Mellado, afirmou em entrevista coletiva realizada no dia 3 de julho, que a família não tinha dívidas ou inimigos. Ele disse que pagaria o valor pedido pelos sequestradores e que não estava interessado na prisão dos mesmos, apenas na libertação da criança.
Após a notícia da liberação de Pedro Paulo, muitas pessoas foram para a casa do empresário. A mãe Elizângela Lemes, em entrevista a O PROGRESSO, demonstrou toda a sua satisfação e agradeceu a Deus e ao povo de Imperatriz pelo apoio.

Deixe seu comentário:

1 Comentário(s)

  • mirtes | 11/07/2012 | 11:40 OBRIGADO MEU DEUS POR ESSA VITÓRIA !
WRGpsFarcomSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoGPSWELLBlog do Felipe de Sá