Campanha Natal Cidade Encantada
Campanha: ENERGISA - WEB BANNER INSTITUCIONAL 2018
Facebook
29/10/2018 - 18h56m

EDUCAÇÃO

Aulões do Enem terminam com média de 2.200 estudantes por fim de semana em todo o TO

Redação

Encerramento do Aulão do Enem pela Secretaria da educação (Foto: Nilson Chaves)

Foram seis meses de muito trabalho, horas de estudos, dedicação e fins de semana dedicados ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Depois de praticamente meio ano participando dos Aulões promovidos pela Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), os alunos chegaram ao último fim de semana do preparativo voltado para auxiliá-los nas provas que serão realizadas nos dias 4 e 11 de novembro.

Neste período, passaram pelas cadeiras dos aulões, uma média de 2.200 alunos a cada fim de semana, em um total de cerca de 280 mil inscrições feitas nas 13 Diretorias Regionais de Educação no período que compreendeu as aulas extras. Foram quase 400 horas de aulas realizadas utilizando metodologias diferenciadas que chamaram a atenção dos estudantes. Aulas que foram ministradas por mais de 250 professores dedicados e comprometidos com as aprovações dos alunos em um dos mais importantes exames do ano.

No fim de semana que antecede o primeiro dia de provas do Enem 2018, foram disponibilizadas 400 vagas tanto para Palmas quanto para unidades do interior. Durante a aula, a expectativa era grande pela proximidade do Enem, que abre portas de universidades em todo o Brasil. Nos olhares dos alunos, a vontade de ingressar em alguma Instituição de ensino superior e garantir um futuro melhor.

Wenddy buscou os aulões para conseguir ingressar na faculdade de Direito (Foto: Nilson Chaves)

Vontade como a de Wenddy Suzy Lucas Santos, ex-aluna do Colégio da Polícia Militar de Palmas. Ela disse que procurou os aulões depois de quase conseguir passar no Enem do ano passado. “Fiquei por dois décimos para entrar em Direito. Por isso, procurei me preparar melhor neste ano para conseguir o meu objetivo. Tenho certeza que, com essas aulas extras, minha preparação está bem melhor e eu vou conseguir passar”, disse.

Hiago participou de todos os aulões (Foto: Nilson Chaves)

Outro aluno que também não perdeu nenhuma aula em Palmas foi Hiago Bonfim Oliveira. Ele destacou que o preparativo promovido pelo Governo do Estado tem ajudado muito a conseguir passar na prova para Educação Física. “Eu, como deficiente físico, quero montar uma academia para poder ajudar as pessoas que também têm algum tipo de deficiência. Acredito que as dinâmicas das aulas e as metodologias abordadas pelos professores são o grande diferencial dos aulões”, completou.

Se, para os alunos, a possibilidade de ingressar em uma universidade ainda é um objetivo a ser alcançado, para Fernando Tranqueira, já é uma realidade. Ele é ex-aluno do Centro de Ensino Médio Oquerlina Torres de Guaraí. Sempre dedicado aos estudos, depois de uma reprovação no vestibular, manteve o ritmo e conseguiu, no ano seguinte, passar em um dos vestibulares mais concorridos do Estado, o de Medicina na Universidade Federal do Tocantins. No intervalo da aula, ele falou de sua experiência aos alunos presentes.

Eu sou um ex-aluno da rede estadual e ver que os estudantes têm uma oportunidade como esse preparativo é muito bom. Tenho certeza de que todos estão se preparando muito bem para o Enem deste ano”, frisou.

Em 2018, os aulões foram ampliados e chegaram nas 13 Regionais de Educação. Segundo a secretária Adriana Aguiar, o objetivo dessa ação, enquanto política pública de incentivo ao acesso ao ensino superior foi alcançada. “Nós precisamos cuidar da transição dos nossos alunos, tanto do ensino fundamental para o médio quanto do médio para o superior. Acredito que, com esses aulões, nós estamos conseguindo garantir aos nossos alunos um futuro melhor e a possibilidade de uma carreira na área em que quiserem seguir”, finalizou.

Enem 2018

O Enem 2018 será realizado em dois domingos, nos dias 4 e 11 de novembro. No Tocantins, por conta do horário de verão, os portões irão abrir às 11 horas e fecharão ao meio-dia. Os participantes não podem se esquecer de chegar ao local da prova portando documento oficial com foto, o cartão do estudante e caneta esferográfica preta de corpo transparente. Ao todo, mais de 54 mil estudantes tocantinenses se inscreveram no Exame Nacional do Ensino Médio.

Deixe seu comentário:

Araguatins Fest Music 2018Black Friday GPSWRGPS OABFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoGPSWELLBlog do Felipe de Sá