CAMPANHA - PRESENÇA DIGITAL WEB 1
Facebook
12/04/2019 - 17h37m

PREOCUPANTE

Araguatins assume o quarto lugar com mais casos de zika vírus no estado

Aedes aegypti é o mosquito transmissor da zika vírus, dengue, febre amarela e chikungunya

O Tocantins teve um aumento de e 538% nos casos confirmados de zika vírus nos primeiros meses de 2019. Até 29 de março, segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde(SES), foram 102 casos da doença. No mesmo período do ano passado ocorreram somente 16. Entre as cidades que mais tiveram notificações estão: Tocantínia (402 casos), Paraíso com (182), Santa Tereza (176) e Araguatins com (164).

A estudante Daniele Pizeta tem duas filhas e conta que ambas apresentaram sintomas da doença. "Cansaço no corpo, dores nas articulações. Isabel teve febre e no momento da febre que apareceram as manchinhas vermelhas", disse.

Os números são ainda mais preocupantes quando se trata de notificações. De janeiro a março desse ano foram 1.466 registros de casos suspeitos, contra 207 no ano passado. Aumento de 608%.

Segundo o gerente de vigilância epidemiológica do estado, Evesson Farias, a secretaria vem trabalhando pra diminuir esses dados.

"As ações são de educação e saúde junto à população. Quem lida diretamente com a população são as equipes de saúde municipais. Então, nós incentivamos que as atividades de educação e saúde sejam promovidas com grande intensidade neste período", disse.

Os dados mostram ainda que 66 casos suspeitos são em grávidas. Até o momento seis foram confirmados e 21 descartados por exames laboratoriais. Para fugir do vírus, a Jessica Nunes, que está gravida de seis meses, tem usado repelente.

"Tem o repelente que a gente passa na pele mesmo. Temos o repelente caseiro, com cravo e álcool. Temos os venenos que a gente compra no mercado, esses de tomada, que é menos ofensivo. E estar sempre tomando de conta do quintal", afirma.

Deixe seu comentário:

CAMPANHA ARRAIÁ DA AMIZADE 2019senacGPSWRFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoWELLBlog do Felipe de Sá