teste
BRK AMBIENTAL/Campanha: Site Tocantins 2022 -Maio/Junho
Facebook
21/06/2022 - 10h18m

LETRAS

ARAGUATINS: Acadêmicos da Unitins apresentam trabalhos em evento internacional

Além dos acadêmicos, o coordenador do curso de Letras/Câmpus Araguatins, Victor Fernandes Borges, uma professora e um técnico administrativo da Unitins também estiveram no evento internacional.

Acadêmicos, professores e técnico administrativo da Unitins na chega a Pedreiras-MA (Foto: Divulgação)

Oito acadêmicos do curso de Letras da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), Câmpus Araguatins, apresentaram seus trabalhos científicos no 33º Fórum Acadêmico de Letras (FALE), um evento internacional promovido pela Associação Nacional de Pesquisa na Graduação (ANPGL), na cidade de Pedreiras, no Maranhão, nos últimos dias 15, 16 e 17 de junho.

Ao todo, foram apresentados cinco trabalhos acadêmicos: “Djuena Tikuna e Marcia Wayna Kambeba: Duas vozes de mulheres no ciberespaço”, da acadêmica Erika Rodrigues Jerônimo; “Jogos, vídeos e perfis nas plataformas digitais:  Narrativas Indígenas em Suporte da Ciberleitura”, dos acadêmicos Francivaldo Souza da Silva e Manoel Felipe Alves dos Santos; “A performance poética indígena em conexão com a dimensão urbana da era globalizada”, do discente Léo Daniel da Conceição Silva; ; “Poéticas discursivas em textos de autores representativos dos povos originários brasileiros”, da acadêmica Sinalva Ferreira da Silva; e “Narrativas Indígenas Krahô: Uma proposta didática para o Ensino Médio”, da discente Thais Silva dos Santos. Sendo os quatro primeiros de orientação da professora Luama Socio e o último da professora Rosana Quadros.

Os acadêmicos foram ao congresso acompanhados do coordenador do curso de Letras, Victor Fernandes Borges, da professora Eliene Rodrigues Sousa e do técnico-administrativo Elisvan Lopes da Silva. Além das apresentações das pesquisas acadêmicas, os participantes também puderam participar de palestras, oficinas e outras atividade

Levar a minha pesquisa para o fórum foi muito gratificante, pois a comunicação é a base para a expansão do conhecimento. Trocar ideias e ter outras opiniões de pares sobre o assunto foi de extrema importância para dar continuidade na minha pesquisa e entender os diferentes pontos de vista sobre ela, isso é fazer um pensamento complexo, isso é pesquisa acadêmica”, disse o acadêmico do 7º período Léo Daniel da Conceição.

Participação dos acadêmicos da Unitins no 33º FALE (Foto: Divulgação)

A discente Thais Silva dos Santos, do 7º período, destacou a colaboração da universidade para a concretização de um sonho. “O fórum foi, sem dúvidas, um marco na minha vida acadêmica no curso de Letras. A minha imensa gratidão a Unitins por ter nos proporcionado participar de um evento tão grandioso em todos em sentidos. Neste evento, aprendemos sobre temáticas que, com toda certeza, ficarão na história de cada um que foi, e além do mais, pude apresentar meu trabalho juntamente com meus amigos, e ouvir grandes elogios de professores renomados brasileiros, e estrangeiros, foi de extrema satisfação e alegria, sentimos que estamos no rumo certo dentro da pesquisa e extensão”.

Para a professora Eliene Rodrigues, "a oportunidade de acompanhar os acadêmicos do curso de letras para participar de um evento como esse foi ímpar, principalmente voltado à pesquisa na graduação! Foi extremamente gratificante testemunhar nossos alunos apresentando brilhantemente suas pesquisas científicas, sendo elogiados pelas bancas, convidados para mestrados e apresentar em eventos fora do país! Vale ressaltar que a preparação para irmos a esse fórum foi bastante árdua: fizemos lanches e rifas a fim de granjear fundos para ajudar com as despesas da viagem! E, cabe aqui, um agradecimento a todos e todas que colaboraram”.

O coordenador do curso de Letras pontuou que a participação no fórum foi a concretização dos trabalhos realizados no curso. “Registrar na memória as brilhantes apresentações dos nossos acadêmicos nos deu a sensação de que estamos no caminho certo. Ao escutar os elogios vindos de professores argentinos, uruguaios e brasileiros relacionados aos nossos trabalhos apresentados nos enche de orgulho, principalmente quando vemos nossos acadêmicos alçando voos mais altos, recebendo convites para mestrados e para participar de aulas de forma remota em universidades do exterior para apresentarem seus trabalhos inovadores”, assinalou Borges.

Delegação da Unitins no 33º FALE, em Pedreiras-MA (Foto: Divulgação)

Deixe seu comentário:

Praia do Pedral de PalmeirasClésioClínica AndréAvecomA Fonte das LetrasGPS