CAMPANHA BOLETO BANCÁRIO
Facebook
14/03/2019 - 10h35m

PALMAS

Agentes comunitários de Saúde se mobilizam e realizam o projeto Jardim de Inverno no CSC da 405 Norte

Secom Palmas

Projeto nasceu durante o curso de Educação Popular, promovido pela Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Foto: Divulgação Semus)

Tudo começou com uma semente, uma pequena ideia que nasceu durante o curso de Educação Popular promovido pela Fundação Escola de Saúde Pública de Palmas (Fesp) voltado para agentes comunitários de saúde (ACS). A proposta era que os participantes pudessem criar um projeto de intervenção no Centro de Saúde da Comunidade (CSC) em que eles trabalhavam. Foi então que um grupo de profissionais do CSC da 405 Norte resolveu colocar a mão na massa e fazer a semente germinar, o projeto Jardim de Inverno saiu do papel e agora eles estão dando uma nova cara para o espaço.

Entre flores, plantas de espécies variadas e muita terra a agente de saúde Aniele Lopes comemora. “É muito gratificante ver algo que fizemos dando certo e ainda mais contando com a participação de todos. A partir da ideia começamos a juntar recursos para a compra dos materiais e estamos construindo um novo jardim, o projeto ainda está na metade, mas conseguimos comprar muitas plantas e vasos. A população gostou, muitos pacientes vieram nos agradecer, ressaltando que a unidade ganhou uma cara nova”, conta a agente.

Paciente da unidade, Maria das Graças Lima, que é hipertensa e está frequentemente na unidade, conta que o local precisava de uma revitalização e parabeniza a iniciativa dos agentes de saúde. “O jardim está ficando lindo e eles estão de parabéns é muito bom poder chegar à unidade e encontrar um ambiente agradável, a gente se sente até melhor”, explica a usuária.

Acredito que eles assumiram a postura de protagonistas dentro da unidade. Eles abraçaram a ideia e com certeza são um exemplo para todas as outras unidades. Porque enxergaram em um espaço a oportunidade de promover bem-estar e inclusive a saúde do trabalhador já que o local de trabalho se tornará visualmente mais agradável. Tudo que fizeram foi por iniciativa própria, o curso apenas fomentou a ideia”, destacou um dos tutores do curso e educador popular , Lucas Justino.

Quem também trabalha no local e arregaçou as mangas foi o agente de saúde Joueudes Vieira. “Vimos no jardim uma oportunidade para a promoção de uma ação conjunta entre todas as equipes da unidade, com tarefas coordenadas conseguimos envolver todos os participantes e o resultado está sendo benéfico para todos”, explica.

Educação Popular

A capacitação, que este semestre será ampliada para a região Sul de Palmas, utiliza propostas de promoção e a troca de práticas em conhecimento popular. O objetivo é aproximar os sujeitos da gestão, dos serviços de saúde, dos movimentos sociais e das práticas populares de cuidado. A Política Nacional de Educação Popular em Saúde no SUS (PNEPS-SUS) foi instituída em novembro de 2013 com o objetivo de implementar a Educação Popular em Saúde no SUS.

Deixe seu comentário:

GPSWRFarcomShop do BicoSucesso FMBAUVereador Professor Júnior GeoWELLBlog do Felipe de Sá