ENERGISA ON
Facebook
07/12/2017 - 07h51m

POLÍCIA

Polícia Civil prende suspeito por estupro de vulnerável em Praia Norte

Rogério de Oliveira

Suspeito de cometer estupro de vulnerável é preso pela Polícia Civil

A Polícia Civil do Tocantins deflagrou, no fim da tarde da ultima terça-feira, 5, em Praia Norte, uma ação de combate à criminalidade, a qual resultou na prisão de Haelson Nonato da Silva, de 39 anos. Ele é suspeito pela prática do crime de estupro de vulnerável e foi preso por policiais civis das Delegacias de Praia Norte e Augustinópolis e da Delegacia da Mulher, mediante cumprimento de mandado de prisão preventiva.

De acordo com os policiais civis da 10ª Regional, Haelson responde a processo criminal na Comarca de Augustinópolis, pela prática do crime de estupro de vulnerável, praticado contra sua própria enteada, uma criança, que à época dos fatos, tinha apenas nove anos de idade. Ainda segundo apontaram as investigações da Polícia Civil, os abusos aconteceram por alguns anos e, quando a vítima estava com 12 anos de idade.

As investigações foram iniciadas após a mãe da criança, comparecer à Delegacia de Praia Norte e relatar os fatos, inclusive, apresentando um exame de DNA, conformando que a garota havia engravidado do suspeito e tido um filho com o suspeito. Desta maneira, os policiais civis deram início às investigações e, posteriormente após confirmar os fatos, foi requerida a prisão preventiva do homem, a qual foi deferida e cumprida, nesta terça-feira, quando Haelson se encontrava no Povoado Camarão I, zona rural de Praia Norte.

Após ser preso, o indivíduo foi levado à sede da Delegacia de Augustinópolis e, após os procedimentos legais cabíveis, recolhido à carceragem da Cadeia Pública da cidade, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Deixe seu comentário:

4 Comentário(s)

  • Tina | 08/12/2017 | 20:44 Parabéns civil fizeram um ótimo trabalho tirando mais um pedófilo estrupador das ruas agora é torcer pra o juiz manter esse safado na cadeia miserável além de ter feito o que fez ainda debochava que ódio melhor entregar a própria sorte
  • Francisca | 08/12/2017 | 17:16 Bem feito achou que a justiça não ia ser feita por estuprar minha prima tá aí seu miserável Ágora fala prós seus amigos se não dá nada , da e sorte pq se fosse aqui em Brasília voce ia ganhar o que você merece , desejo que você apodreça na cadeia e que Deus tenha misericórdia da sua alma .
  • luana ribeiro | 07/12/2017 | 12:51 Mostro, acabou com a infancia dessa crianca! De menina se tornou mulher por causa desse ser despresivel!!
  • elizangela | 07/12/2017 | 09:22 Parabéns as autoridades que conduziram o enquerito e a prisão mas um bandido atrás das grades. E assim q tem q ser.
Campanha NOVO CANAL TV ALjr(REDE SOCIAL - PORTAL MUSIC)rocha alBlog do Felipe de SáGPSvalériaBAUarmazém paraíbaSucesso FMDudu a Fora