Energisa é o que liga site
Campanha INTERNET 75 ANOS - AC- TO - AM
Facebook
24/04/2017 - 15h39m

ATER

Médios produtores de Maurilândia e de mais 31 municípios tocantinenses começam a receber assistência técnica do Ruraltins

Redação

Ruraltins inicia projeto de assistência técnica para médios produtores

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins), em parceria com o Ministério da Agricultora da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), inicia nesta segunda-feira, 24, as atividades do Projeto de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) para Médios Produtores de Maurilândia do Tocantins e de mais 31 municípios tocantinenses.

O projeto tem como objetivo contribuir com o desenvolvimento econômico e social dos médios produtores rurais do Tocantins, de modo a estimular a diversificação da produção, melhorar a produtividade e consequentemente ampliar a renda.

De acordo com a extensionista e engenheira agrícola do Ruraltins, Lara Neiva, serão atendidos 400 médios produtores de 32 municípios do Estado, envolvendo cerca de 50 técnicos do órgão. “Esse convênio é uma iniciativa dos técnicos do Ruraltins que sentiram a necessidade de um esforço maior para atender os médios produtores do Estado com uma assistência de qualidade, direcionada a esse público”, disse.

A extensionista explica que dos 400 produtores que receberão assistência técnica do Ruraltins, 200 serão atendidos diretamente e os demais por meio de capacitação, dias de campo e encontros, como seminários. “Para a seleção desse público, foi feito um estudo com dados da Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz (FALQ) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para identificar quais eram os municípios com maior número de médios produtores no Tocantins. Em seguida dividimos em três categorias, sendo pecuarista de corte e misto, 100 produtores, culturas anuais, com 40 produtores e fruticultura, 60 produtores”, afirmou Lara Neiva.

Para dar início às atividades do projeto, o Ruraltins promoverá uma série de reuniões com os técnicos participantes. Nesta segunda-feira, 24, o encontro será em Paraíso do Tocantins; em Porto Nacional no dia 25; na cidade de Gurupi no dia 26, e posteriormente, no mês de maio, os municípios de Miracema, Araguaína e Taguatinga.

Municípios contemplados

O projeto tem duração de dois anos, com recursos no valor de R$ 861.639,32 a serem aplicados, contemplando os seguintes municípios: Goiatins, Paranã, Rio Sono, Monte do Carmo, Dois Irmãos do Tocantins, Dueré, Araguaçu, Pium, Palmeirante, Arraias, Lizarda, Natividade, Jaú do Tocantins, Ponte Alta do Tocantins, Peixe, Formoso do Araguaia, Paraíso do Tocantins, Miracema do Tocantins, Gurupi, Guaraí, Taguatinga, Dianópolis, Palmas, Porto Nacional, Araguaína, Colinas do Tocantins, Babaçulandia, Wanderlândia, Couto Magalhães, Brejinho de Nazaré, Goianorte, Maurilândia do Tocantins.

Deixe seu comentário:

1 Comentário(s)

  • Nilton Lima de Morais | 24/04/2017 | 15:50 Esperamos que este recurso chegue também ao município de São Miguel do Tocantins.
Campanha Institucional Web banner Parte III - Veiculaçãojr(REDE SOCIAL - PORTAL MUSIC)rocha alFesta AugustinópolisBlog do Felipe de SáGPSvalériaBAUarmazém paraíbaSucesso FMDudu a Fora