kitnets
Facebook
13/07/2017 - 20h30m

REAJUSTE SALARIAL E OUTROS BENEFÍCIOS

Funcionários da Energisa aceitam proposta salarial e encerram paralisação após fazerem assembleias em Augustinópolis e em mais 7 cidades do TO

Redação

Funcionários da Energisa cruzam os braços para pedir aumento salarial (Foto: Divulgação/SEET)

Com os serviços parados há três dias, os funcionários da concessionária de energia elétrica do Tocantins (Energisa) resolveram aceitar a proposta feita empresa e retomar os serviços nesta quinta-feira, 13. Os trabalhadores reivindicavam reajuste salarial e outros benefícios. Para aprovar a proposta, os funcionários fizeram assembleias nas cidades de Augustinópolis, Araguaína, Guaraí, Porto Nacional, Paraíso do Tocantins, Gurupi, Dianópolis e Palmas.

Os trabalhadores pediam um reajuste salarial de 6,99%, que equivale a 3,99% de inflação e ganho real de 3%, além de um aumento no benefício de alimentação de 10%.

Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Eletricidade do Tocantins, Sérgio Fernandes, a Energisa oferece 4,3% de reajuste salarial, um aumento de 8% no vale alimentação, reajuste de 3,99% para outros benefícios, além de abono para os dias parados.

"Nós pleiteávamos mais. Porém, estamos satisfeitos porque melhorou a proposta inicial. A empresa tinha oferecido um reajuste de apenas 3,99%, que corresponde à inflação, além de um ganho real de R$ 2 no vale alimentação. Também nos livramos do banco de horas, que era o nosso maior gargalo", explicou Fernandes.

Deixe seu comentário:

jrarmazém paraíbarocha alGPSvalériaBAUSucesso FMDudu a Fora