Energisa é o que liga site
Campanha INTERNET 75 ANOS - AC- TO - AM
Facebook
19/01/2017 - 19h47m

COMEÇANDO POR ARAGUATINS

Em iniciativa pioneira, OAB-TO e CAATO levam estrutura completa para o Bico do Papagaio

Pela primeira vez na história da instituição, a OAB-TO (Ordem dos Advogados do Brasil no Tocantins) levará a sua estrutura completa para o interior do Estado. Com respaldo da CAATO (Caixa de Assistência ao Advogado Tocantinense), começa, na próxima terça-feira, 24 de janeiro, em Araguatins, o projeto OAB em Campo.

Com o lema “Em Dia com a Advocacia”, o projeto vai levar a Ouvidoria da OAB, Procuradoria de Defesa de Prerrogativas, a diretoria da instituição (incluindo a Presidência), CAATO, ESA (Escola Superior de Advocacia), TED, conselheiros federais, o setor Administrativo/Financeiro e a Assessoria de Comunicação para atender diretamente as necessidades dos advogados do interior do Estado. No dia 25 de janeiro, será a vez de Augustinópolis receber o “OAB em Campo”, enquanto no dia 26 o projeto estará em Tocantinópolis e, no dia 27, em Araguaína.

“Estamos levando a estrutura da Ordem completa para atender o advogado do interior. Foi um compromisso nosso de gestão valorizar o interior do Estado e isso só ocorre quando a OAB está realmente presente nas cidades”, destacou o presidente da OAB-TO, Walter Ohofugi.

No interior, cada setor da OAB atenderá as demandas específicas. A administração da OAB e a CAATO, por exemplo, providenciarão os reparos nas sedes ou salas das subseções, comprarão equipamentos de pequeno porte necessários para adequação funcional (como computadores, mesas, cadeiras), entre outros.

A Presidência da Ordem e a Procuradoria de Prerrogativas farão o trabalho institucional, visitando as autoridades da cidade, em defesa das prerrogativas da advocacia e buscando soluções para os problemas enfrentados pela categoria.

A ESA buscará informações sobre pedidos cursos para a advocacia no interior. Os conselheiros federais vão atuar em demandas referentes à União, além de sanarem dúvidas sobre o funcionamento da instituição no país e que tipo de apoio a OAB Nacional pode dar à advocacia.

“Todas as instâncias presentes nesse projeto têm uma missão. A iniciativa tem o objetivo de levar a Ordem àqueles colegas que geralmente não têm o respaldo direto da instituição. A Ordem está para servir os advogados, sejam eles de Palmas ou do interior, afinal todos pagam a mesma anuidade e sustentam a estrutura”, destacou o secretário-geral da OAB-TO, Célio Henrique Rocha.

Recepção

No Bico do Papagaio, a advocacia comemora a oportunidade de ter toda a estrutura da Ordem nas suas cidades. Conforme a presidente da OAB de Araguatins, Cristiane Aparecida de Carvalho Costa, o projeto é louvável e muito positivo. “Nunca tivemos um presidente ou uma diretoria que tenham tido essa ideia antes, apesar das várias cobranças da nossa região”, destacou Cristiane, ao ressaltar que será um momento excelente para os colegas exporem as demandas locais da categoria. “Somos um pouco esquecidos aqui, mas agora teremos a chance de detalhar os nossos anseios e todos estão esperando ansiosamente a diretoria da OAB”, salientou.

Já a presidente da OAB de Tocantinópolis, Daiany Cristine Gomes Pereira Jácomo Ribeiro, destacou que a Região do Bico do Papagaio em todos os tempos sempre fora esquecida. “Com o projeto OAB em Campo sentimos que nossos clamores e anseios serão atendidos, pois é uma forma de que a administração geral conheça a realidade do advogado do interior que tem que lutar diariamente pelo direito do seu cliente e por suas prerrogativas, com objetivo de ser respeitado e reconhecido pela importância que tem na aquisição da Justiça”, frisou Daiany.

Ela destacou que o projeto é um incentivo aos novos advogados, pois eles estão vendo que a OAB está aqui para representar a categoria.

CAATO e Conselho Federal

Para o presidente da CAATO, Flávio Leão, o OAB em Campo é um projeto que mostra o compromisso da atual gestão com advocacia como um todo, valorizando e prestigiando os colegas do Tocantins. “Estamos levando toda a estrutura da Ordem, incluindo a CAATO, para aqueles advogados e advogadas que muitas vezes estão distantes do poder. Esses profissionais merecem e precisam do mesmo respaldo”, destacou Flávio Leão.

Conselheiro federal, Pedro Biazotto, salientou que, com as visitas do projeto, a OAB também levará o seu sistema ao interior. “Vamos detalhar aos colegas como funciona a OAB Nacional e de que forma esta instituição pode nos ajudar”, frisou. (Assessoria de Comunicação OAB)

Deixe seu comentário:

Campanha Institucional Web banner Parte III - Veiculaçãojr(REDE SOCIAL - PORTAL MUSIC)rocha alFesta AugustinópolisBlog do Felipe de SáGPSvalériaBAUarmazém paraíbaSucesso FMDudu a Fora