Facebook
01/02/2018 - 13h39m

CONFIRA O VÍDEO

Amastha lança campanha para sociedade se mobilizar pela derrubada do veto ao Refis das micro

Cristiano Machado

Com vídeo no “padrão Globo”, Amastha lança campanha para sociedade se mobilizar pela derrubada do veto ao Refis das micro

Uma de suas bandeiras no período em que exerce a presidência da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Carlos Amastha conclamou a sociedade a se mobilizar pela derrubada do veto do presidente Michel Temer ao Refis das micro e pequenas empresas brasileiras. Em vídeo postado nas redes sociais, o prefeito de Palmas pede engajamento da população para cobrar do Congresso que derrube o veto. “Você deve dar seu apoio para essa iniciativa. Converse com o presidente da Associação Comercial de sua cidade”, pede Amastha, à sua maneira, em referência à campanha “Que Brasil você quer para o futuro?”, da Rede Globo, característica por orientar os internautas a utilizarem o celular na horizontal no momento da gravação dos depoimentos.

Amastha já mobiliza prefeitos e parlamentares em busca de apoio à derrubada. E até mesmo pediu ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, na semana passada, quando ocupava o cargo de presidente da República em exercício durante reunião no Palácio do Planalto.

São aproximadamente 4,8 milhões de micro e pequenos empresários inadimplentes que aguardam a medida. Caso o veto não seja revisto no Congresso, a expetativa é de desemprego em massa e volta da informalidade a muitos microempreendedores.

A CAMPANHA

A Frente Nacional de Prefeitos iniciou nesta quarta-feira, 31, a campanha digital pela derrubada do veto ao Refis para as Micro e Pequenas Empresas. A ação, em parceria com o Sebrae, contará com vídeos e peças de apoio à iniciativa. Serão utilizadas as hashtags #RefisproPequeno, #FNPapoiaRefisMPEs e #RefisMPEs.

Paralelamente, a FNP também tem trabalhado junto aos parlamentares pela derrubada do veto. "Nós diminuímos muito no Brasil a economia informal, que é péssima, graças a esse movimento do Simples, e agora a gente chega e diz 'Senhores, voltem para a informalidade, porque o Refis não é para vocês?’ É a pior coisa que pode acontecer para a economia desse país", declarou o presidente em exercício da FNP, Carlos Amastha, em reunião com o presidente do Sebrae, Guilherme Afif Domingos, no último dia 18.



Deixe seu comentário:

Campanha ESSE PODER É NOSSOWRGPSFarcomGPSVereador Professor Júnior GeoSucesso FMBAU(REDE SOCIAL - PORTAL MUSIC)WELLBlog do Felipe de Sá