Facebook
10/01/2018 - 19h45m

EM PROGRAMA DE RÁDIO

9º BPM fala na Sucesso FM sobre o Concurso da PMTO e implantação do Colégio Militar em Araguatins

Ascom/9º BPM

Major Márcio Cardoso Almeida

O chefe da seção de Ensino, Instrução e Pesquisa do 9º Batalhão da PM, major Márcio Cardoso Almeida, esteve representando a Polícia Militar na manhã desta quarta-feira, 10, na rádio Sucesso FM de Araguatins, onde abordou sobre o concurso público para oficiais e soldados da PMTO e a implantação da Unidade do Colégio da Polícia Militar (CPM) em Araguatins.

Major Márcio destacou sobre a realização do concurso que já iniciou suas inscrições deste ontem, terça-feira, dia 9, e que muitos jovens sonharam com esse momento. Ele frisou ainda sobre os cuidados e atenção no que reza o edital para ambos os cursos, principalmente no que se refere as datas.

Quanto ao Colégio Militar, o oficial salientou que por parte da Polícia Militar já está tudo preparado e que as demais exigências burocráticas para a efetiva conclusão caberá agora a Secretaria de Educação do Estado (Seduc), encarregada da homologação.

Major Márcio ainda acrescentou sobre boatos que tem surgido contrários ao que foi debatido durante as reuniões para a implantação do CPM. Ele destacou que na 2ª visita realizada pela equipe de Palmas ao Centro de Ensino Médio (CEM), previsto a funcionar o CPM, ocorreram duas reuniões com a comunidade escolar, onde participaram os servidores administrativos, professores, pais e alunos, onde foram sanadas dúvidas e demais logística quanto ao funcionamento do CPM.

Ele reforçou ainda, que essa taxa de mensalidade no valor de R$ 200 reais, conforme boatos, não existe. Dentre os variados assuntos abordados, major Márcio fez questão em frisar sobre a visão pedagógica do CPM, voltadas em dar condições aos professores no que se refere o trabalho em sala de aula, bem como, instrumentalizando o docente com meios de controle e avaliação contínua dos alunos.

Quanto aos professores e demais servidores que hoje trabalham no CEM, major Márcio explicou que, “os que não quiserem continuar, serão remanejados de acordo com as necessidades de cada um, sem comprometer sua atual situação perante o Estado. E em relação aos alunos, os que optarem por outro colégio, terão vagas garantidas em outra escola, a fim de darem continuidade ao ensino médio conforme orientações da Diretoria Regional de Ensino (DRE)”.

Deixe seu comentário:

Vereador Professor Júnior GeoRocha Natal2000 Locações e Transportesrocha al(REDE SOCIAL - PORTAL MUSIC)GPSBAUvalériaSucesso FMBlog do Felipe de Sáarmazém paraíbaDudu a Fora